Governo do Amazonas pede ajuda a outros estados para internar pacientes

O governo do Amazonas pediu ajuda a outros estados para internar pacientes em estado crítico após terem sido infectados pelo coronavírus. Ao menos 750 internados devem ser transferidos em função da falta de leitos nos hospitais públicos. O estado vive pela segunda vez um colapso no sistema público de saúde desde o início da pandemia.

A gestão do governador Wilson Lima (PSC) foi procurada pelo SBT News para comentar a situação, mas ainda não respondeu.

De acordo com o governador do Piauí e coordenador da temática de vacina no Fórum Nacional de Governadores, Wellington Dias, Piauí, Maranhão, Paraíba, Rio Grande do Norte, Pará, Distrito Federal e Goiás já oferecem leitos. As transferências, porém, causam preocupação entre as autoridades devido ao risco de mutações do vírus circularem entre as capitais.

Nesta quinta-feira (14 jan.), o vice-presidente, general Hamilton Mourão, anunciou que aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) foram enviados a Manaus com material hospitalar, como camas, cilindros de oxigênio, macas e barraca, para equipar os hospitais públicos.

SBT NEWS