Um ano após o início das ações para conter aglomerações, dados da Guarda Municipal mostram que neste momento de colapso hospitalar, o respeito ao toque de recolher está maior do que em qualquer outro período da pandemia.