Homem paraplégico pede ajuda para conseguir curativos e alimentos

Um cadeirante que está acamado há dois meses precisa de vários itens como esparadrapos, pomadas e até alimentos que estão em falta. Nos últimos tempos, os itens para curativo que ele recebe da Sesau e Estado estão em falta. Enquanto fica um jogo de empurra de um órgão público para o outro, quem tenta ajudar é a mãe dele de 80 anos. A equipe de assistentes sociais do CRAS esteve esta semana na residência reforçando as orientações quanto ao atendimento médico solicitado por eles. Mas enquanto isso, quem puder ajudar com doações o telefone do Antônio é: 9 92492638